Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O Presidente. «Seu sacana.»

por FJV, em 04.09.20

Frequentemente nos irritamos com o Presidente. Compreendo-o (para o bem e para o mal), mas irrita-me a sua omnipresença e a voracidade com que comenta quase todos os assuntos e faz gincana nessa qualidade de comentador. Ter a imagem do Presidente ultrapassada pela imagem “do Marcelo”, na praia, no rio, nas barraquinhas de bebidas pode ser tão extenuante que, depois, se transforma em presença irrelevante quando precisamos realmente dele, ou seja, quando o Presidente tem de proteger os portugueses dos abusos do Estado, e de defender o bem-estar, a liberdade e os direitos dos cidadãos. Mas anteontem, ao princípio da noite, deu-me gozo vê-lo, quase anónimo, sem luz, sem câmaras de televisão e sem jornalistas por perto (como quando visita hospitais sem publicidade, em segredo), palmilhando o Parque Eduardo VII com uma lista de compras na Feira do Livro de Lisboa. É impossível uma pessoa não ficar comovida ao vê-lo, nessa figura discreta e metida para dentro – e não podemos deixar de murmurar, com certa delicadeza e o devido respeito institucional que sempre lhe é devido: “Seu sacana.”

Da coluna diária do CM.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Ligações diretas

Os livros
No Twitter
Quetzal Editores
Crónicas impressas
Blog O Mar em Casablanca


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.