Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Estudassem.

por FJV, em 06.05.20

Coisas cómicas: o eurodeputado Nuno Melo iniciou uma campanha contra a utilização de imagens de Rui Tavares (ex-eurodeputado, fundador do Livre, autor e historiador) nas aulas da telescola. Nas “redes sociais” parecia que Rui Tavares tinha tomado de assalto as crianças portuguesas para as inocular com o perigoso vírus do bolchevismo, coisa que me preocuparia. Fui ver: era uma explicação, enquadrada, sobre a Exposição do Mundo Português de 1940, uma ação de propaganda do regime de Salazar. E ponderada, sensata, informada – ao contrário de muito “discurso historiográfico” à esquerda e à direita, muito propagandístico e cheio de adjetivos. Acontece que, como a chamada “direita velha” se tem recusado a estudar e a informar-se, ou – muitas vezes – a adquirir rudimentos de gramática, acaba por reagir como um pateta acossado por uma crise de hipertensão. Eu percebo o problema: é a inoculação. Mas isso resolve-se com trabalho e estudo – e deixando de desvalorizar a cultura e o conhecimento histórico. E eis como a “direita velha” acaba a reconhecer que não comparece às aulas. Estudassem.

Da coluna diária do CM.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.