Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Smoking again.

por FJV, em 12.12.08

 

Um dos novos desportos para preencher o vazio da cabeça é o de vigiar os hábitos de Barack Obama, como o de fumar. Os parvinhos elegantes, de ideologia tetraplégica, e as tias do século passado ficaram embasbacados com a novidade – Obama fuma; como é que ele vai fazer na Casa Branca, onde não se pode fumar? Naturalmente, vem até à porta das traseiras onde escapará dos moralistas. Interrogado pela imprensa, o presidente americano lá se justificou: “Mas olhem que tento ter uma vida mais saudável...”  Para começar, estar no poder não é nada saudável. Depois, desde que inventaram os políticos com “uma vida saudável” que deixámos de ter bons políticos. Um bom político precisa de um certo suplemento de vício. Olhem para a União Europeia e confirmem: saudáveis, sim, mas uma merda.

[Da coluna do Correio da Manhã.]

Autoria e outros dados (tags, etc)


28 comentários

Sem imagem de perfil

De luis eme a 12.12.2008 às 10:25

concordo, Francisco.

então o "jogging" para a televisão, deve atrofiar mesmo o cérebro...
Sem imagem de perfil

De Nuno Vieira a 12.12.2008 às 11:48

Olá,
gostei muito da palestra do Franciscco na fundação Luso-Americana sobre Raymond Chandler e a literatura policial em geral (mesmo depois de 300 km). Confesso que não o sabia tão apaixonado pelo assunto.

Nuno Vieira
Sem imagem de perfil

De nuno ferreira a 12.12.2008 às 16:15

O Obama que fume e beba onde ele quiser.
Sem imagem de perfil

De José Leandro a 12.12.2008 às 16:54

Bom perante tanto fundamentalismo , tenho de perguntar em bom Português. Será que também precisam de saber se o Homem (também) fode ?
Sem imagem de perfil

De Sem fumo a 14.12.2008 às 20:57

caro amigo,
a Casa Branca, essas coisas, permite.
Sem imagem de perfil

De Ana a 12.12.2008 às 17:52

Tão maus são os parvinhos e afins como a defesa idiota. É das características dos políticos americanos que mais me tira do sério. A resposta que merecia é ___________.
Sem imagem de perfil

De teofilo m. a 12.12.2008 às 18:01

Da América chegam-nos estes fundamentalismos asfixiantes que levam a que, cada vez mais, os americanos, no seu geral, sejam vistos como umas criaturas estranhas.

Num País em que as crianças se matam com as armas carregadas deixadas à mão de semear pelos adultos, em que a violência começa a ser ensinada através do desporto (futebol americano e boxe), em que a pena de morte ainda é utilizada como meio de punição, em que a destruição ambiental ocorre sem praticamente oposição, em que a saúde é um privilégio e não um direito, as preocupações fixam-se nos fumadores, no controlo apertado da população de pele mais escura, nos escândalos sexuais dos notáveis (quando são notícia) porque doutro modo poderão ir parar ao Jerry Springer onde são considerados diversão.

Por estas e por outras, é que eu não consigo entender o seu way of life ', e por muito que muitos o defendam, não o queria ter por cá.
Sem imagem de perfil

De Isabel a 12.12.2008 às 19:43

'E quem fala assim não é gago'.
Sem imagem de perfil

De GONIO a 12.12.2008 às 22:51

Ora, nem mais!
Esta política higiénica e asséptica é a pior coisa que aconteceu ao mundo nos últimos anos!
Onde está um fumador e bêbado como Churchill?
Sem imagem de perfil

De Henrik a 13.12.2008 às 00:18

É a moralzinha e os costumezinhos que nos fodem a cabeça como sempre! Ideias higiénicas (mas nada limpas) são do mais comum e infecundo que existe! Uma abominação da nossa actualidade.
Sem imagem de perfil

De p. a 13.12.2008 às 09:21

pois é mas ele fez um acordo com a mulher de deixar de fumar qd se mudar....
Sem imagem de perfil

De henedina a 13.12.2008 às 12:38

Preocupa-me que ele fume porque diminui a expectativa de vida e como figura pública (até agora) queria que durasse muito tempo.
Quanto à vida privada cada um tem a que quer, ou devia tê-la.
(qdo falo de aleitamento digo que o leite materno não é perfeito - o que é um escandâlo que acorda a assembleia que me ouve - mas é o ideal para os bebés e comparo com: não nos apaixonamos pelos defeitos do homem/mulher que amamos? - é ideal para nós, talvez e, sobretudo, por não ser perfeito.)
Viva ele tem um defeito, já estava a ficar preocupada com Obama. (antes este que deixar tudo igual na politica americana do médio oriente).
Mas se puderes Obama muda de defeito esse custa-te a vida e cheira mal. Sei lá, abre um blog (não de campanhã).

Comentar post


Pág. 1/3




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.