Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Sócrates, elegante.

por FJV, em 01.12.08

Ontem, o diário 'El Mundo' escolhia os homens mais elegantes do ano – e entre eles, apenas atrás de Karl Lagerfeld (uma múmia), de Roger Federer, Barack Obama, Brad Pitt, ou do príncipe Haakon (da Noruega) e à frente de Jude Law, de Sarkozy ou do príncipe Carlos, estava José Sócrates. O sexto mais elegante do mundo. É uma distinção e tanto. Mundana, sim – mas uma distinção. Sisudo na foto, talvez isso seja uma das razões a sua popularidade, como diz o jornal, que acrescenta: «Os portugueses respeitam o homem rigoroso, com fatos escuros Armani.» Pode ser. Por isso, a sua ministra da Educação escusava de considerar 'tocante' o caso do aluno que – depois de receber um computador Magalhães – lhe escreveu a dizer que quer inscrever-se no PS. Isso não é elegante. Nem tocante.

[Da coluna do Correio da Manhã.]

Autoria e outros dados (tags, etc)


9 comentários

Sem imagem de perfil

De ViriatoFCastro a 02.12.2008 às 02:56

Isto dos factos escuros e do olhar sisudo, como factores de admiração ou até mesmo de uma qualquer cobiça estética, faz-me lembrar outros tempos... Aqueles que antecedem imediatamente o tempo em que se dizia que o uso da gravata era um acto de fascismo. Lembram-se?
E não deixa de ser ainda irónico que, em vez do livro de leitura único, ou das tábuas de lousa, postas nas mãos lavadinhas de uma qualquer criancinha humilde, mas temente a Deus e a seus pais - como bem ensinava a lição - haja agora computadores, ícones de uma qualquer cartilha de desenvolvimento unilateralmente traçado por quem se diz ser governante eleito - bold em eleito, sff...

Comentar post




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.