Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



...

por FJV, em 17.10.05
||| Amazônia.
O presidente Lula atribui ao desrespeito pelo protocolo de Quioto os terramotos, furacões e secas no Pantanal e na Amazónia (via Insurgente). A citação é retirada deste despacho da Globo. Acontece que, independentemente das razões que Lula invoca (a relação directa entre Quioto e a zanga da Mãe Natureza) essa declaração esquece que nunca foi tão intenso como no último ano e meio o desmatamento da Amazónia, por exemplo, mesmo nos estados do Acre e do Pará.

«Eu acusei o José Dirceu, quando ele voltou para a Câmara [em Junho], de três crimes. Um crime contra a democracia, que é a compra de deputados. Um crime contra o planeta, porque, na gestão atual, houe um recorde de desmatamento da Amazônia, 126 mil quilômetros quadrados. E um crime contra a humanidade, que foi o que o governo do PT fez com as crianças índias do Mato Grosso do Sul.» Entrevista de Fernando Gabeira (PV) à revista Primeira Leitura.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Claudio Tellez a 17.10.2005 às 13:02

É verdade, e como é verdade. Abraçam a causa do ambientalismo apenas como plataforma política, já que questões ambientais costumam mexer com o emocional das pessoas, mas quando chegam ao governo nada fazem que seja consistente com as posições ecológicas que tanto utilizaram em campanha.

Comentar post




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.