Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



...

por FJV, em 13.12.05
||| Condições objectivas.
Lembram-se daquele atleta que se queixava que a Federação de Atletismo não lhe pagava as sapatilhas? Lembrei-me dele ontem, depois de ouvir Nandinho, o capitão do Vitória de Setúbal, a assumir «a corrida ao título». Evidentemente que é um excesso. Mas compreende-se, numa equipa que está em terceiro lugar (facto), a dois pontos do FC Porto (facto), depois de vencer mais um jogo (facto) e de ter salários de três meses em atraso (facto). Um jornalista perguntou-lhe então: «E sente que têm condições para correr para o título?» Nandinho quase nem sorriu: «Não. Condições não temos.» A isto chamo eu contornar o destino num país em que «as condições» nunca estão reunidas. Condições não temos, mas que se lixe. Ah, portugueses.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Miguel a 13.12.2005 às 14:26

QUe custa alcançar os objectivos quando "estão reunidas todas" as condições?
De louvar, são objectivos altos e saber-se lutar por eles com poucas condições. Veremos o Setubal com a tática do Contestável, do quadrado a meio campo?

Comentar post




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.