Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Algum dia.

por FJV, em 10.06.11

Algum dia teria de acontecer — e logo numa quinta de agricultura biológica. Parece que, até agora, as suspeitas acerca do E.coli recaem em amostras que têm sido porta-estandarte da dietética moderna e da «cozinha ilustrada»: pepino, rebentos de soja, beterraba, rebentos de vegetais usados em sanduíches. Sim, faltam a rúcula-bebé (num documentário, Amyr Klink diz que a melhor é que se colhe, selvagem, nas redondezas dos cemitérios) e as flores comestíveis, mas há uma ameaça qualquer.

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De bg a 11.06.2011 às 11:48

o pior é o tipo de jornalismo que se tem feito, de mera transcrição de press releases oficiais. São um insulto à inteligência. Vegetais mortiferos por geração espontânea é mesmo o argumento mais estapafurdio dos últimos tempos. Quem tem medo de pôr o dedo na verdade? Estrume contaminado de animais contaminados até gaze esterilizada torna mortal.
Sem imagem de perfil

De António Viana a 11.06.2011 às 13:17

Enquanto me delicio com uma bela posta mirandesa, penso em como a justiça pode ser poética.
Reconheço que há algo de cruel nisto, mas é o desabafo de alguém que, não há muito tempo, foi apelidado de troglodita gastronómico por um ser, pretensamente saudável, com furúnculos espalhados pelo rosto de cor esverdeada...

Comentar post



Ligações diretas

Os livros
No Twitter
Quetzal Editores
Crónicas impressas
Blog O Mar em Casablanca


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.