Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



É isso?

por FJV, em 02.05.11

José Pacheco Pereira lutou, nos últimos anos, contra a transformação da política em propaganda, apoiou a tese da «asfixia democrática», falou abundantemente do «problema de carácter de José Sócrates», pediu uma comissão de inquérito sobre os negócios obscuros do PM, dá lições de «comunicação & anti-propaganda» na SIC Not, conspirou contra Santana Lopes (porque era insuportável a confusão entre interesses privados e interesses públicos, entre política e propaganda) – hoje, acha que os portugueses devem escolher para primeiro-ministro quem melhor maneja os truques e repete chavões fáceis de apreender. E que não interessa quem esteve no governo durante seis anos levando-nos até aqui, ao abismo, ao descontrole das finanças públicas, ao empobrecimento, ao desvario – interessa apenas que não seja Passos Coelho. É isso?

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Carlos Azevedo a 02.05.2011 às 14:56

Sim, para Pacheco Pereira é precisamente isso. (Aliás, 'conspirar' é uma das actividades preferidas de PP -- há sítios de onde nunca se sai, e o resto é conversa.)
Sem imagem de perfil

De Monchique a 02.05.2011 às 16:16

Infelizmente não é só Pacheco ; Capucho, doente para continuar como autarca mas bom para Presidente da Assembleia da República; Marques Mendes - O Grande Nóia - a quem até Isaltino deu lições de seriedade e ética; Marcelo, em permanente orgasmo nos seus comentários na TVI, entrando em demência só em pensar na vitória de Passos Coelho.
Grande Homem: O Prof. Catroga que soube optar por Portugal e pelos Portugueses. BRAVO.

Comentar post




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.