Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Tua.

por FJV, em 13.11.10

Foto de Paulo Ricca, Público.

Independentemente do que se possa pensar ou discutir sobre o destino já anunciado da Linha do Tua, há nestes organismos do Estado uma concupiscência destravada e desleixada. Por exemplo, «um dos dois relatores do parecer do Conselho Consultivo de Cultura [que arruma a questão dizendo que a Linha do Tua não tem interesse dos pontos de vista arqueológico, arquitectónico, artístico, etnográfico, científico e técnico e industrial que justifiquem a sua classificação] ser um elemento que integra a Comissão Nacional Portuguesa das Grandes Barragens». Era preciso tanto desleixo? Era.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.