Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Atwood às chamas.

por FJV, em 15.01.18

Margaret Atwood (criticada nas, como se chama aquilo?, redes sociais) sobre o movimento #me too, depois de um contorverso processo de acusação — não provado — contra um professor universitário: “In times of extremes, extremists win. Their ideology becomes a religion, anyone who doesn’t puppet their views is seen as an apostate, a heretic or a traitor, and moderates in the middle are annihilated.” Também Atwood fala nas bruxas de Salem.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.