Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por FJV, em 09.10.07
||| Finais felizes.
O André Benjamim começou a imaginar finais felizes para a Happy Endings Foundation, a propósito desta magnífica iniciativa: «Imaginem que Josef K. na véspera do seu trigésimo primeiro aniversário é levado por dois homens até um enorme salão, onde amigos e familiares o esperam para uma festa surpresa!... Que Meursault afinal não matara um árabe, e que tudo não passara de um pesadelo, fruto de um sentimento de culpa, após haver discutido com a mãe dias antes - e em que ameaçara interná-la num asilo... Que Ricardo não matara Marta (matando-se a si mesmo) nem Lúcio arcara com a pena de prisão; fora apenas um delírio de Lúcio após ter bebido demais num jantar a três... Que o retrato de Dorian Gray, com o passar dos anos, acaba por se desfazer em cinzas, de tão velho que estava, tornando Dorian imortal... Que afinal houvera uma enorme confusão com os nomes, mas que Carlos Eduardo e Maria Eduarda não são irmãos...». É um bom exercício. O que terá acontecido ao capitão Ahab? Capitu, a bela Capitu foi sempre feliz com Dom Casmurro?
[FJV]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:




Blog anterior

Aviz 2003>2005


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.