Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



...

por FJV, em 20.11.07
||| Soneto para os amigos no dia dos meus 62 anos.

Se aqui cheguei foi graças a vocês
Que me tiraram as pedras do caminho
E me deram resposta aos múltiplos porquês
Onde o medo sorrateiro faz o ninho

E por isso aqui estou passados os sessenta
Pejado de tabaco e vinho tinto
A olhar tranquilo o banco onde se senta
Esse juiz supremo a que não minto

Fui jovem e sonhei, errei, caí
Mas sempre soube que o rumo que escolhi
Só podia ser livre e verdadeiro

Não sei se consegui mas estou seguro
Que tentei construir o meu futuro
Pra que nele coubesse o mundo inteiro


[MAV]

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De henedina a 20.11.2007 às 15:32

Se tentou estou segura que equivale a conseguir.
Parabéns!

Comentar post




Blog anterior

Aviz 2003>2005