Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O mundo educado e Harry Potter no Porto.

por FJV, em 01.08.16

O “mundo educado” detesta a ideia, mas a verdade é que o lançamento mundial de Harry Potter and the Cursed Child (que ocorreu no Porto, na Livraria Lello, na noite de sábado para domingo) foi uma festa para milhares de leitores. Quinze mil pessoas na rua. Uma fila que começou na tarde de sexta-feira. Seis mil livros vendidos nessa noite. Nunca me passaria pela cabeça defender os “méritos literários” da obra de J.K. Rowling; não sou fã de bruxarias, mas os três últimos livros (da série de sete) são melhores do que se diz. E comove-me a tribo de fãs, mais do que ‘groupies’ de hip-hop aos pulinhos; aliás, se pudesse, jogaria Quidditch e guardaria uma lista de feitiços para irritar a academia. Desde o início que o “mundo educado” olhou Harry Potter com o desprezo que se esperava: a história é uma excrescência sem profundidade, J.K. Rowling uma oportunista vulgar e os seus leitores semi-analfabetos. Nenhuma das coisas é verdadeira; Rowling é uma mulher amável e humilde, que quis escrever uma série popular e bem humorada para leitores jovens. Tudo resultou. Exceto o “mundo educado”, como de costume.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Blog anterior

Aviz 2003>2005


subscrever feeds