Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Cordilheiras, no dia do equinócio.

por FJV, em 21.03.11

«Eu não esqueço as cordilheiras dos Andes, em volta dos lagos./ Longe da primavera, nos campos onde passa o vento/ que vem do sul, que vem do norte / como uma cicatriz gravada a fogo.»

Autoria e outros dados (tags, etc)



Blog anterior

Aviz 2003>2005


subscrever feeds