Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Fantástico.

por FJV, em 10.12.10

O extraordinário apedeuta, que chegou a querer expulsar jornalistas do seu país ou estabelecer um módico de censura à imprensa e à tv, está solidário com a Wikileaks.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Ressalva.

por FJV, em 10.12.10

Na reforma da legislação laboral não está incluído nenhum artigo sobre despedimento de gestores incompetentes que arruinaram empresas públicas ou negociaram mal as parcerias público-privadas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sakineh.

por FJV, em 10.12.10

A «ideia» de que a libertação de Sakineh Mohammadi-Ashtiani, condenada por lapidação no Irão, é uma derrota para os amigos de Israel, é uma bravíssima tonteria. O que está em causa não é Israel; é a lapidação de Sakineh Mohammadi-Ashtiani.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Os Lusíadas.

por FJV, em 10.12.10

Alegre não resistiu à tentação. Houve quem fizesse apostas — e acaba de perder, contra toda a hipótese de bom-senso. Ele «sabe quantos cantos tem Os Lusíadas». Tamanha competência (é a linguagem da moda) talvez não faça de Manuel Alegre um melhor candidato; faz dele, de certeza, um melhor concorrente ao «Quem Quer Ser Milionário».

Este hábito de recorrer a Os Lusíadas para mostrar um patriotismo inexcedível não destrói apenas a sua reputação política; é, também, um ataque ao coração do poema, a epopeia mais politicamente incorrecta do Ocidente, impróprio para entrar em campanhas e para falar de cidadania.

 

Seja como for, aqui lhe dedico um magnífico soneto do vetusto Abade de Jazente (1719-1789), cheio de recordações amarantinas:

 

«Brutos penhascos, rústicas montanhas,
Medonhos bosques, hórrida maleza,
Que me vedes, coberto de tristeza,
Saudoso habitador destas campanhas.

Para me suavizar mágoas tamanhas,
Alteremos um pouco a Natureza;
Civilize meu mal vossa dureza,
Barbarizai-me vós estas entranhas.

Meu pranto vos comova algum afecto
De branda compaixão; pois da impiedade
Encontra sempre em vós um duro objecto.

Pode ser, que com esta variedade,
Seja mais agradável vosso aspecto,
Sinta eu menos cruel minha saudade.»

Autoria e outros dados (tags, etc)



Blog anterior

Aviz 2003>2005


subscrever feeds