Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por FJV, em 07.10.07
||| Os livros, como sabemos, fazem mal. Devem ser banidos. Eles adoram queimar, outra versão. [Actualizado.]












Chama-se Happy Endings Foundation e trata de defender que as crianças só devem ler livros com final feliz [«only let their children read books with happy endings»]. Os outros devem ser banidos das salas de leitura [«Children's books that don't have happy endings should be banned»]. Vigiam os livros e as bibliotecas escolares e já elaboraram uma lista de livros que devem ser retirados das escolas; entre eles estão Villette, de Charlotte Brontë, Um Vasto Mar e Sargaços, de Jean Rhys ou A Pequena Sereia, de Hans Christian Andersen.
Na próxima semana, a fundação sugere um apetitoso programa para as famílias britânicas: «The Happy Ending Foundation is planning a series of Bad Book Bonfires for later this month, when parents will be encouraged to burn novels with negative endings.» De resto, um dos seus objectivos maiores é o de «eradicate sad thoughts from all literature».

O site indica também as canções felizes (entre elas, tremam, «Walking on Sunshine», de Katrina & the Waves, «Holiday», de Madonna e, podem fugir, «Favourite Things», de Música no Coração, com Julie Andrews), e os passeios recomendáveis (Cadbury World, em Birmingham, o Zoo de Londres, o Eastnor Castle, em Ledbury, o National Railway Museum, York, ou a caça ao monstro do Loch Ness).

Livros felizes ficam; os outros queimam-se. Burn novels with negative endings.
O caso da Happy Ending Foundation: «So if you have a bad book in out home, library or school bag, bring it along and see if it burns. Fire is bright and fire is clean…» Via Blue.

[O Pedro Figueiredo sugeriu-me o link].
[FJV]

Autoria e outros dados (tags, etc)



Blog anterior

Aviz 2003>2005


subscrever feeds