Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por FJV, em 10.02.07
||| Uma loja de conveniência.










Em Aveiro, os ares da Ria dão para coisas hilariantes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.02.07
||| O cérebro.
Chama-se neuroimagiologia e permite ler, no cérebro, «a intenção de uma pessoa num futuro próximo». O press da Max Planck Society está aqui. Mas há coisas que adivinhamos sem tanta parafernália.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.02.07
||| A USP.
Um grande momento de vídeo: a Associação de Docentes da Universidade de São Paulo e o Sintusp (Sindicato dos Trabalhadores da USP) chamam reaccionários aos estudantes que vão às aulas e metem um trio eléctrico (o Trio Caribão) no campus da universidade. E tratam de «covarde, safado e reaccionário» um professor que queria silêncio para dar aula. Os sindicalistas entram na universidade interrompendo um exame («entramos na casa daqueles que são os inimigos da educação, os fascistas...»). Pena Tarso Genro já não ser ministro da Educação -- ele receberia o pessoal e confraternizariam.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.02.07
||| Não é correcto.
Quando incendiavam ônibus e matavam polícias e seus familiares em São Paulo, os bandidos tinham sempre uma ONG a questionar «as razões da violência». No Rio, isso acontecia frequentemente, mas «as razões da violência» mal serviam para mascarar a guerra pelo negócio da droga e pelo controle dos morros & vias cariocas. Por exemplo, no caso de São Paulo, poucos foram os que, no meio do furacão alertaram para a fragilidade daqueles polícias da rua, isolados e aterrorizados, incapazes de fazer frente ao armamento do PCC e dos outros comandos da bandidagem que ameaçava as suas famílias e chegou a fazer doutrina política.
Não sei onde andam as mesmas vozes quando a violência e a crueldade dos bandidos chegou aos limites actuais no Rio de Janeiro. Não é uma bala perdida a cair no empedrado da General Osório ou um corte do tráfego em Rebouças, «a ameaçar as classes médias» como dizia há tempos um dos sociólogos da moda. É guerra aberta com a comunidade. Mas as pessoas comuns não têm defesa. Não é correcto defender as pessoas comuns. Há um glamour esquizofrénico na violência e na bandidagem que tem direito a filme e a documentário.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.02.07
||| Isto é negociar.
Capello quer Kaká no Real Madrid. São paixões. O Milan não está disposto a abrir mão do brasileiro mas tem uma proposta: Kaká vai para Madrid mas, em troca, marcham para Itália os jogadores Cannavaro, Robinho e Diarra, além de um cheque substancial. Isto eu chamo negociar. Mas dá uma ideia da insanidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.02.07
||| Cidadão.
Na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação) são surpreendentes, por vezes, os deslizes de linguagem. Independentemente das razões que assistem ou não a Pedro Almeida Vieira no caso que o opõe ao Diário de Notícias, o despacho da entidade diz o seguinte: «Olhadas as coisas com alguma crueza, portanto, o respondente pretendeu, no caso, ser jornalista em determinado momento (como foi), mas cidadão noutro (como não era)...» Reparem bem: «cidadão noutro (como não era)». Eles querem o nosso bem.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Blog anterior

Aviz 2003>2005


subscrever feeds