Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por FJV, em 10.05.06
||| Revista de blogs. O essencial é isto.
«Ando a pensar seriamente deixar o Yoga e inscrever-me no ginásio. É que, para dizer a verdade, preocupa-me mais o meu rabo que a evolução espiritual.»
{Luna, no Horas Perdidas.}

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.05.06
||| Xenofobia, portugas e Vila de Rei.
Completamente de acordo com o Filipe. Bom post.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.05.06
||| Brasil. O outro lado, entretanto.
O ex-secretário-geral do PT presta depoimento na CPI do Senado: «Eu tenho medo de mim mesmo.»
Entretanto, «os petistas comemoraram o depoimento dado pelo ex-secretário-geral do PT Silvio Pereira para a CPI dos Bingos nesta quarta-feira. Silvinho, como era chamado pelos petistas, disse que não se lembra da entrevista dada para o jornal O Globo, poupou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva de eventual responsabilidade com o suposto valerioduto e sinalizou confusão mental». Só de ver a cara de Tião Viana, o inacreditável senador do Acre, comemorando a perda de memória de Silvinho, dá para avaliar do alívio sentido no Planalto. O bando continua à solta.
Tudo isto enquanto ex-funcionária do Ministério da Saúde acusa 170 deputados de corrupção.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.05.06
||| Drummond e João Cabral.
Às vezes ficamos comovidos. Quando quase cem pessoas, ao fim da tarde, se juntam em redor destes cavalheiros.

Uma palavra sobre o trabalho de Abel Barros Baptista, que é o director da Colecção Curso Breve de Literatura Brasileira. O trabalho de Abel Barros Baptista como professor, ensaísta e também, nessa medida, divulgador da literatura brasileira, tem sido demasiado importante para que o ignoremos ou passemos em frente sem distingui-lo com mais paciência. Salvo erro, a maior parte, senão a quase totalidade dos estudos de literatura brasileira entre nós, até aos anos 90, reduzia-se a uma espécie de estudos comparados sobre Portugal & Brasil como realidades mais ou menos próximas. Os estudos de literatura brasileira, na maior parte da sua expressão e extensão, eram uma alínea nos chamados estudos da lusofonia em que a literatura brasileira, propriamente dita, nunca aparecia como um mundo autónomo, independente, e, penso eu, fascinante. Isso acontecia como a revelação de uma espécie de pudor diante de uma literatura que teve os seus momentos altos em Portugal e os seus autores mais divulgados – mas de que não conseguíamos acompanhar o andamento nos anos mais recentes. Abel Barros Baptista tratou a literatura brasileira como literatura brasileira, sem anexos que a fizessem reverter à chamada corrente da lusofonia. Se lhe devemos (“dever” é uma maneira de dizer) o facto de ser um dos críticos e ensaístas mais significativos dos últimos anos, também gostava de, pessoalmente, lhe ficar a dever um interesse notável pela literatura brasileira.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.05.06
||| Poesia Brasileira, hoje, na Casa Fernando Pessoa.









Claro Enigma
e A Educação Pela Pedra, de Carlos Drummond de Andrade e de João Cabral de Melo Neto, respectivamente, que integram o Curso Breve de Literatura Brasileira da Cotovia, vão ter direito a sessão de lançamento na Casa Fernando Pessoa. As intervenções estarão a cargo de Abel Barros Baptista e Carlos Mendes e Sousa. Serão lidos poemas (por Dora Ribeiro) de ambos os livros. Hoje, dia 10 de Maio, pelas 18:30, na Casa Fernando Pessoa - Rua Coelho da Rocha 16, Campo de Ourique. E os títulos da colecção serão vendidos com desconto de 20%.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.05.06
||| Casa Marmelo.
«Casa fundada em 9 de Maio de 2003. Três anos a servir as melhores famílias da blogosfera com simpatia e aos melhores preços.» Terceiro aniversário do Manuel Jorge Marmelo na blogosfera. Um dos nossos grandes autores na rede.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.05.06
||| Clássicos na escola.
Preparem-se.

Autoria e outros dados (tags, etc)

...

por FJV, em 10.05.06
||| Brasil: Vampiros na Operação Sanguessuga.
Ex-funcionária do Ministério da Saúde desencadeia mais investigações no caso de corrupção atrás da Operação Sanguessuga. Pormenor relatado no Estadão: a «propina», ou seja, o dinheiro da corrupção, «era paga aos parlamentares de forma antecipada, antes da liberação dos recursos das emendas. O dinheiro chegava aos gabinetes, no prédio do Congresso, em Brasília, dentro de malas, metido na cueca e nas meias dos dois chefes do esquema». Como diria Lula: «Tem mais pobrema no Congrefo.» Tá uma festa isso aí.

Entretanto, o Supremo Tribunal Federal brasileiro obriga o ex-secretário-geral do PT, Sílvio Pereira, a depor na CPI dos Bingos. «Tem o regrefo do menfalão», diria Lula. Pereira tinha alegado stress pós-traumático para não depor no Congresso. Ver informação anterior aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Blog anterior

Aviz 2003>2005


subscrever feeds