Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



...

por FJV, em 18.11.05
||| Não me interessam as audiências.











Aqui está mais um exemplo da perfídia e do mau-carácter do género humano. Por isso está aí a capa da mais recente Playboy brasileira. E pergunta o leitor, indignado: «Sim, mas aqui?» Pois sim: aqui. E porquê? Não pelas audiências. Apenas pelo deleite intelectual. Porque a Playboy brasileira publica uma entrevista com Zezé e Luciano di Camargo, os sertanejos-protagonistas do filme Filhos de Francisco. Se há perfídia nisto? Não. Pois os Camargo até participaram nos comícios do PT. Nada de sectarismo. Mesmo se são cantores sertanejos. Além disso, há também uma entrevista com Pitty, a nova revelação musical local. Também é verdade que a Playboy publica um ensaio fotográfico com Mariana Kupfer, mas enfim, isso não é importante. Quem é a Mariana Kupfer?, pergunta o leitor, moralizador e inquieto. Que falta de cultura.






Bom, mas para quem gosta mais de teatro (Cissa Guimarães, aliás Beatriz Gentil Guimarães) do que de cinema (Zezé di Camargo e Luciano), a edição deste mês da revista Sexy é recomendável. Muito menos photoshop numa actriz a ultrapassar a década dos quarenta (48). Uma coisa como deve ser, portanto. E não, a Sexy este mês não tem crítica literária.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De randomblog a 18.11.2005 às 18:50

Um post para os rankings...

Comentar post




Blog anterior

Aviz 2003>2005