Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



...

por FJV, em 20.07.06
||| A destruição da história.










Depois de comprar a História Universal da Destruição dos Livros - das Tábuas Sumérias à Guerra do Iraque, do venezuelano Fernando Báez (edição brasileira da Ediouro), reparo que não há praticamente referências ao estalinismo. O livro tem bastantes dados, boas fontes -- mas as omissões são ridículas e deitam quase tudo a perder.

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Sostrova a 21.07.2006 às 13:51

Carissimo, devo dizer-lhe que não estão documentados historicamente ataques a livros e bibliotecas na União Soviética. Antes pelo contrário... Do que os anti-comunistas primários muitas vezes acusaram o regime socialista é que a cultura e os livros não alimentam.
Acrescento ainda que mesmo livros religiosos e de caracter fascizante relativos à monarquia czarista foram conservados em bibliotecas e museus.
.............
Gosto de lê-lo e dou-lhe os parabens pelo seu blog.
Sem imagem de perfil

De Sekhmet a 20.07.2006 às 23:39

Off-topic excelente o seu artigo no DN sobre Israel. Assino por baixo!
Sem imagem de perfil

De César de Oliveira a 20.07.2006 às 17:00

talvez o senhor baéz seja um bom engenheiro de almas

Comentar post




Blog anterior

Aviz 2003>2005